Multi pertransibunt et augebitur scientia (Muitos passarão, e o conhecimento aumentará).

domingo, 8 de dezembro de 2013

IMAGINAÇÃO E RAZÃO

por Mario Sales, FRC, SI, Cavaleiro Rosa Cruz (CRC) , 
18° grau maçônico no Rito Escocês Antigo e Aceito


Todo cético é um racionalista, mas nem todo racionalista é um cético. A crença não é inviabilizada pela razão, mas pela insensibilidade.
E isso porque existem dois tipos de homens racionais: os insensíveis e os sensíveis, estes últimos capazes de crenças de cunho espiritual, mais propensos a dominarem o poder da Imaginação.
A Imaginação é como o Vapor que sobe da queima da madeira. Existem vapores úteis, inúteis e perigosos.
Falarei dos dois últimos primeiro.
Os inúteis são aqueles que escapam pelas chaminés dos tetos, e vão para as altitudes, sem servirem a nenhum propósito mecânico. São semelhantes a divagação, quando a mente, livre de cuidados, sucumbe ao sonho sem consequências, sem efeitos no real.
Os perigosos se assemelham a fumaça produzida em ambiente fechado aonde o morador, preso dentro deste local, o inala até sufocar e morrer. Este vapor intoxicante se assemelha ao indivíduo absolutamente convicto de suas fantasias e seus delírios, que vive patologicamente envolvido por elas e alijado da interação social e pessoal.
Já o vapor útil necessita do aporte da razão. Homens racionais e sensíveis buscam a segurança do pensamento racional, lógico e encadeado, para garantir um subsídio de clareza ao processo da Imaginação, este sim, o mais importante poder do Espírito Humano.
Imaginem o vapor que move os motores, proveniente de explosões causadas por faíscas produzidas pelas velas elétricas. Se estivesse em espaço aberto, o vapor subiria, disperso, inútil, invisível, perdendo-se no vazio; mas uma vez contido no cilindro de um motor, impulsiona um êmbolo, faz girar um mecanismo, faz o carro andar.
E se aprisionado no motor da locomotiva faz uma máquina gigantesca se mover e arrastar atrás de si sem dificuldade um sem número de vagões.


O que transforma o vapor em uma força é seu aprisionamento em um espaço qualquer definido e a sua liberação controlada, aproveitando toda a pressão positiva gerada por este confinamento do invisível no visível.
Assim também a Imaginação, se abandonada a si mesma e sem um confinamento lógico, é puro delírio e desperdício da mais poderosa energia e força do Universo.
Uma imaginação descontrolada instabiliza nossa mente, traz angústia e incerteza, produz fantasias e fantasmas.
Não nos move, não nos auxilia na lida do mundo cotidiano, não modifica nossa realidade material.



Sem controle, nossa imaginação é nossa inimiga, nos constrange com medos infundados e é a mãe da Superstição.
É preciso constranger a Imaginação no espaço da lógica, restringir e direcionar seus movimentos, direcioná-la pelo pensamento para uma função objetiva, fazendo com que ela movimente o Real e se transforme, de puro vapor, em Fonte de Força.
Quem pensa organizadamente, quem se acostuma a raciocinar com critérios, quem não apóia idéias descabidas e infundadas, pode imaginar bem e de modo produtivo. Saberá sempre a diferença entre Sonho e Realidade e conseguirá transformar a sua Realidade naquilo que Sonha.



Dizem os adeptos do pensamento politizado que "o sonho sonhado sozinho é sonho, mas quando sonhado junto é força que transforma". A História humana mostra que não é assim. São muitos os exemplos de Homens com uma mente clara e determinada, capazes de Imaginar um mundo diferente e com isso arrastar atrás de si multidões, forçadas pela sua clareza de mente (Raciocínio e Imaginação harmonizados). Tanto para o Bem quanto para o Mal. Assim foi com o Cristo, com o Buda, com Ghandi e Martin Luther King. Assim foi também com Gengis Khan, Mao Tsé Tung, Hitler e Mussolini.
O que move o mundo e os homens não são as coisas visíveis , mas as invisíveis, como o Vapor.
A primeira delas, é a Paixão pela Vida, de preferência fundamentada em uma Imaginação clara, clareza esta da Imaginação garantida por um Raciocínio sólido, feito de idéias Claras e Distintas.
Perceber isto e dominar esta chave de Poder é ter em mãos o controle da mais importante Energia a nossa disposição no Universo.