Multi pertransibunt et augebitur scientia (Muitos passarão, e o conhecimento aumentará).

sábado, 18 de setembro de 2010

COMO COMPATIBILIZAR SISTEMA E ORDEM COM A MAIS COMPLETA LIBERDADE NA MAIS PERFEITA TOLERÂNCIA

Por Mario Sales, FRC.:,S.:I.:,M.:M.:


Eis o dilema. Uma instituição vale pelos seus ideais, mas uma organização precisa de uma ordenação hierárquica mínima para funcionar.
Geralmente em empresas, esta hierarquia e o respeito a ela são garantidas por normas de conduta ligadas aos interesses dos envolvidos, como por exemplo, manter o seu emprego e seus benefícios, além de preservar seu salário e seu padrão de vida sócio econômica.
Ninguém que está bem empregado quer ser demitido, ou faz qualquer coisa que possa levar a isso. Isto é coerência.
Quando falamos de trabalho voluntário, tudo fica diferente.
As pessoas envolvidas não recebem nada em troca de seus serviços além da satisfação pessoal de poder servir à causa e à instituição que pertencem, bem como, de vez em quando, a gratidão de seus líderes e a simpatia daqueles com quem divide os mesmos ideais.
A motivação aqui não é financeira: é psicológica.
Para que este grupo diferenciado de servidores se mantenha atento à disciplina da instituição a que servem desinteressadamente, necessitam, no mínimo, de carinho e atenção, de se sentirem parte de um projeto, valorizados pelo seu serviço desinteressado.
Em uma palavra: simpatia.
Não se dirige uma empresa com simpatia; mas, para liderar dentro de uma empresa ou de uma ordem esotérica é preciso carisma, capacidade de envolver seus empregados ou seguidores com uma personalidade magnética, que valorize aqueles que estão ao seu redor, e faça, de maneira sincera, com que se sintam satisfeitos em fazer o que fazem.E teoricamente, ninguém está mais preparado para fazer isto do que um rosacruz.
Servir desinteressadamente já é uma recompensa em si para aqueles que servem com dedicação a uma instituição na qual crêem, mas não é de bom tom se esquecer de valorizar estes dedicados servidores vez por outra.
É isto que os alimenta. Este é o seu salário, seu pagamento.
É assim que se compatibiliza Hierarquia, motivada pela necessidade de Sistema e Ordem, com a mais completa liberdade, dentro da mais perfeita tolerância.
Liderar com amor é o segredo.
É importante nunca nos esquecermos destes princípios.
Quem tiver ouvidos para ouvir, que ouça.